16 de março – “Descubra Portugal: a Nação iTech” é o título da conferência que evidenciou a capacidade nacional no setor das tecnologias da informação.

Portugal mostra capacidade tecnológica em Sydney Austrália.

 

"Discover Portugal, The Itech Nation" é o titulo da conferência realizada hoje na Austrália que evidenciou a capacidade nacional no setor das tecnologias da informação.

 

Perante uma plateia de 30 empresários e parceiros institucionais, o Embaixador de Portugal na Austrália, Paulo Cunha Alves, realçou a atenção dada pelo Governo português à promoção das novas tecnologias, ao empreendedorismo, à ciência e à inovação, e à criação de startups e centros de incubação de empresas.

 

O Presidente da AICEP descreveu Portugal como um Hub Tecnológico detentor de um ecossistema favorável para o desenvolvimento de novas startups. Miguel Frasquilho deu exemplos de várias startups que nasceram em Portugal e conquistaram o mundo.

 

Numa alusão à vocação empreendedora dos portugueses, Mark Phibbs, ex-vice-presidente da empresa Adobe comentou que antes Portugal lançava navios para descobrir o mundo, hoje lança startups.

 

Numa ligação direta a partir de Lisboa, a responsável pela CISCO em Portugal explicou o compromisso da Cisco com a digitalização do país e o seu potencial no setor tecnológico. Sofia Tenreiro discorreu sobre as vantagens competitivas oferecidas por Portugal que tornam o país atrativo para o desenvolvimento de startups.

 

Kevin Bloch Chief Technology Officer da Cisco na Austrália revelou como as novas tecnologias estão a fazer crescer negócios tradicionais como a agricultura e apontou novas tendências no domínio da internet.

 

A Vision - Box apresentou o seu caso de sucesso na Austrália com o responsável pelo mercado, João Sena, a sublinhar que a Austrália é o país do mundo com maior automatização das suas fronteiras aeroportuárias. Nalguns aeroportos – sublinhou- já há mais pórticos automáticos de verificação de passaportes do que pórticos convencionais.

 

A conferência foi organizada pela AICEP, Consulado de Portugal em Sydney, Cisco e Australia Brazil Business Council.